Já entrámos em 2020!

Em breve teremos os resultados de 2019 e estamos a finalizar (ou já finalizámos) a estratégia e objetivos para 2020.

Decidir aquilo que queremos atingir num ano pode não ser fácil devido à envolvente e às várias frentes que queremos abordar e que compreendemos que são importantes para a empresa. Assim, como podemos decidir corretamente sobre quais os reais objetivos que queremos para este novo ano?

Podemos começar por identificar as nossas forças e fraquezas e ações para reforçar as suas forças e mitigar as fraquezas. E atenção que devemos considerar todas as áreas da empresa para ter um prisma bastante alargado do que fazer num horizonte alargado.

2020 tem (apenas) 366 dias e ainda menos dias trabalháveis por isso podemos reduzir a lista fazendo perguntas!

“As perguntas são como despertadores”

In “Sim ou Não – Um guia para tomar as melhores decisões”; Johnson, Dr. Spencer

 

Será que realmente a escolha destes indicadores e destas metas indicam o caminho que queremos seguir enquanto empresa? Está alinhado com a nossa estratégia, missão e visão? É exequível todos estes objetivos? O que realmente podemos ambicionar para este ano?

Identificar os objetivos e o plano de ação é um exercício necessário para orientar a organização. Quanto mais tempo investirmos nesta fase, melhores decisões vamos tomar e mais tempo poupamos à organização.

E se durante o ano houver desvios…  Lembre-se que o plano, tal como as organizações deve ser adaptado à realidade e por isso será sempre dinâmico, mas questione-se se realmente está a mudar de direção de forma consciente e se está a ir ao encontro às reais necessidades da organização.